Fechar

Acesso exclusivo

Esqueceu sua senha?

Esqueceu sua senha?

<< Voltar

MARQUE SUA CONSULTA


DERMATOLOGIA

SERVIÇOS

Tratamentos
Ver mais
/Tratamentos

Toxina Botulínica

A toxina botulínica, famosa como “botox”, é principalmente usada para suavizar as expressões do rosto. É aplicada principalmente na testa, no hiato entre as sobrancelhas e ao redor dos olhos. Quando a substância é injetada diretamente no músculo, paralisa-o temporariamente, evitando movimentos repetitivos que podem gerar ou acentuar linhas de expressão e rugas.

Para que é a Toxina Botulínica  é utilizada

Além de atenuar os sinais comuns da idade, o botox também é usado para arquear a sobrancelha, elevar a ponta do nariz, relaxar um queixo muito enrugado, corrigir o sorriso gengival, melhorar o aspecto enrugado do pescoço e definir melhor o contorno da mandíbula, por meio da técnica de lifting com a toxina botulínica. Utiliza-se, ainda, para diminuir ou eliminar a transpiração excessiva nas axilas, mãos e pés (chamada de hiper-hidrose), e até para melhorar a cefaleia tensional (dor de cabeça) e enxaqueca.

Como é realizado o procedimento

A aplicação da toxina botulínica deve ser feita por um dermatologista qualificado e experiente, para que o resultado obtido seja o mais natural possível, não deixando a paciente com um aspecto “plastificado”. A marcação dos locais a serem injetados é feita pelo médico e a substância é injetada com uma agulha própria e muito fina. Não é necessária anestesia, pois o procedimento é bastante tolerável pelo paciente. A toxina dura em média de 3 a 6 meses na face e no pescoço. Já nas axilas, a duração é um pouco maior, em torno de seis a nove meses. As novas aplicações devem respeitar o período mínimo de quatro meses.

Resultados

O resultado inicia-se por volta do terceiro dia, com o enfraquecimento do músculo. Mas, somente em torno da segunda semana é que se consegue obter o aspecto final do procedimento. Após ter o botox ministrado, o paciente está apto a realizar as suas atividades diárias. Pequenos hematomas podem aparecer no local da aplicação, mas em geral são mínimos e passageiros. A toxina botulínica apresenta as seguintes contraindicações: gestação, amamentação, doenças neurológicas e alergia à substância.

/comentários